Não acredito em bruxas

Zeca do PT acabara de ser eleito governador do Mato Grosso do Sul quando decidiu visitar a fazenda onde nasceu, no interior do Estado. Pegou a família e foi passar o fim de semana.

Ao chegar, foi informado de que a casa tinha fama de ser mal-assombrada. Coisas muito estranhas aconteceriam por lá.

Zeca e a família decidiram que ficariam mesmo com os avisos.

Na primeira noite, a família reuniu-se para o jantar. E, com o apetite desperto pelo ar puro do campo, o governador comeu e bebeu demais. Terminou dormindo no sofá da sala. Sua filha de 15 anos dormiu no local. No meio da noite, Zeca foi acordado.

 – Papai, preciso ir ao banheiro, mas não quero ir até lá sozinha. Está escuro e tenho medo.

Depois de pensar um pouco, Zeca respondeu:

– Ô, filhinha, não dá para você segurar até o dia amanhecer?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s