Falta alguma coisa à corrupção brasileira: corruptores

O noticiário das últimas semanas passa a impressão de que os corruptos são encontrados em várias partes do mundo. Quase todas no Brasil.

A corrupção voltou a ser tema obrigatório nas rodas de bate-papo. Por vezes, é impossível mudar de assunto. Muda-se apenas de corrupto.

O jornal tornou-se pé-de-vento. Arranca véus. Produz réus. Porém, falta algo ao noticiário: o corruptor.

Note-se o caso do Ministério dos Transportes. Foram à guilhotina um ministro e quatro integrantes do staff dele.

Derrubou-os a suspeita de cobrança propinas. Coisa entre 4% e 5% do valor total dos contratos.

Ganha um doce quem for capaz de citar o nome de um corruptor dos Transportes. Leva um cargo de direção no Dnit quem conseguir citar dois.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: