Corrupção sem fim: Gabinete de filho de ministro emprega lobista de empresas

Um lobista de empreiteiras que obtiveram contratos com o Ministério da Integração Nacional trabalha no gabinete do filho do ministro Fernando Bezerra, o deputado Fernando Coelho (PSB-PE).

Emendas apresentadas pelo deputado ao Orçamento de 2011 asseguraram R$ 1,8 milhão em recursos da pasta para duas construtoras representadas pelo lobista, Aerolande Amós da Cruz.

Entenda as acusações contra o ministro Fernando Bezerra
Reservatórios apodrecem em reduto eleitoral de ministro
Filho de ministro da Integração destina verba a aliados
Integração deu R$ 4,3 mi a empresa suspeita na Bahia

O chefe de gabinete do deputado nega que Cruz trabalhe no gabinete de Coelho Filho.

SUSPEITAS

O ministro Fernando Bezerra Coelho tem sido alvo nas últimas semanas de suspeitas de que teria beneficiado Pernambuco –Estado governado pelo seu partido e onde fica sua base política– com verbas para a prevenção de enchentes.

Ele também é suspeito de privilegiar seu filho, o deputado Coelho Filho, na liberação de verbas do ministério por meio de emendas parlamentares.

Coelho foi o único congressista que teve todo o dinheiro pedido empenhado (reservado no Orçamento para pagamento) pelo ministério (R$ 9,1 milhões), superando 219 colegas que também solicitaram recursos para obras da Integração.

Liberado em dezembro, o dinheiro solicitado pelo deputado iria para ações tocadas pela Codevasf (Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e Paraíba), uma empresa pública presidida pelo irmão do ministro, Clementino Coelho, que deixou o cargo após as acusações.

2 Responses to Corrupção sem fim: Gabinete de filho de ministro emprega lobista de empresas

  1. […] Aqui ele é acusado de ser beneficiário de emendas vindas… do seu próprio pai {{não acredite em mim}}. O pai, aliás, é atualmente senador e alvo de investigação autorizada pelo STF {{não […]

  2. […] corrupção. Aqui ele é acusado de ser beneficiário de emendas vindas… do seu próprio pai (clique aqui). O pai, aliás, é atualmente senador e alvo de investigação autorizada pelo STF (clique […]

  3. […] Aqui ele é acusado de ser beneficiário de emendas vindas… do seu próprio pai {{não acredite em mim}}. O pai, aliás, é atualmente senador e alvo de investigação autorizada pelo STF {{não […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: